Administração na prática

Como promover uma gestão estratégica na sua escola?

Tempo de leitura: 6 min

Administrar uma instituição de ensino, como uma escola, é uma tarefa que exige muita responsabilidade e agilidade dos gestores, pois demanda constante interação com outros departamentos (financeiro, pedagógico etc.) para que seja possível promover uma educação de qualidade. Para isso, existe a gestão estratégica.

Composta por ferramentas e boas práticas de gerenciamento, ela pode proporcionar tudo que uma escola precisa para cumprir com seus objetivos e é exatamente sobre o que falaremos neste conteúdo. Acompanhe a leitura do artigo para saber mais!

O que é gestão estratégica?

De forma simplificada, trata-se de um conjunto de técnicas, ferramentas e medidas planejadas com a finalidade de otimizar determinados aspectos no ambiente educacional, como departamento financeiro, gestão de pessoas, sistema educacional, entre tantos outros elementos que compõem um instituição de ensino.

O fato é que, ao contar com um planejamento estrategicamente elaborado para a escola, torna-se mais fácil alcançar o compromisso ético de proporcionar aos alunos uma formação de qualidade.

Uma gestão efetiva também ajuda a estabelecer metas de matrículas de novos estudantes, avaliar o desempenho de professores, colocar em prática planos de ação para atingir seus objetivos, além de resolver diversas questões e problemas cotidianos.

Por fim, a gestão estratégica, quando devidamente implementada, ajuda a alinhar todos os colaboradores com as políticas internas, valores e missões da escola, unificando o foco de todos os envolvidos, ou seja, a cultura da escola é estabelecida de maneira sólida.

Quais seus diferenciais em uma escola?

No âmbito escolar, a gestão estratégica não tem como objetivo apenas analisar as carências mais significativas da instituição, mas também distinguir suas as potencialidades e oportunidades oferecidas pelo mercado, buscando minimizar os pontos fracos e explorar os pontos fortes.

Se a instituição tem problemas com a desmotivação dos professores, por exemplo, é preciso que as soluções colocadas em prática não apenas sejam viáveis, como também estejam ligadas aos fatores que têm causado o problema.

Por meio das práticas de gerenciamento estratégico são estabelecidos prazos, etapas e objetivos que estão relacionados aos pontos que digam respeito à área que precisa ser melhorada.

De acordo com um artigo publicado na Veja , em uma escola localizada na pequena cidade de Vinhedo, na qual o fraco desempenho dos alunos, em relação à média nacional, se tornou um sério problema, a Secretaria da Educação municipal passou a acompanhar individualmente a performance das notas dos estudantes por meio de práticas de gestão estratégica.

As medidas utilizadas para reverter o cenário foram o uso de tecnologia para analisar de forma aprofundada o que os alunos estavam errando nas provas e inclusão de reforço escolar segmentado.

O que queremos dizer é que há diversas formas de solucionar os mais variados assuntos e imprevisibilidades que surgem quase que diariamente no ambiente educacional. Existem ferramentas que podem auxiliar no processo.

Por que aderir uma gestão estratégica para escola?

Há uma série de benefícios em aderir um planejamento estrategicamente elaborado para uma escola. Entre eles, podemos citar:

Powered by Rock Convert
  • gera mais clareza sobre os objetivos da instituição de ensino — os gestores passam a entender melhor as metas e objetivos da escola;
  • proporciona mais embasamento para a tomada de decisões — medidas mais acertadas e conectadas à realidade da escola e do mercado são colocadas em prática;
  • eleva o comprometimento e a motivação da equipe — os colaboradores envolvidos passam a se identificar mais com os valores da escola, impactando nos resultados gerados;
  • melhora a utilização dos recursos por parte da instituição de ensino — com uma jornada bem definida e estruturada, é possível otimizar o uso dos materiais da instituição e o esforço dos colaboradores envolvidos.

Quais ferramentas podem auxiliar a gestão estratégica?

Agora que você já tem uma perspectiva mais ampla sobre o papel da gestão estratégica no cenário educacional, mostraremos algumas das principais ferramentas, práticas e medidas que podem auxiliar.

Pesquisas de opinião de alunos e responsáveis

A experiência dos alunos e de seus responsáveis pode ser fundamental para o desenvolvimento de um planejamento estratégico eficiente e alinhado com o que se espera de uma escola.

Como eles são o foco de todas as atividades e processos aplicados pela instituição, significa que suas opiniões precisam ser levadas em consideração na hora de planejar o futuro e tomar decisões.

Existem diversas formas para coletar informações com os alunos e seus responsáveis, como:

  • realizar reuniões;
  • enviar pesquisas sobre qualidade e melhorias;
  • recolher relatos sobre as vivências mais importantes desses indivíduos dentro do ambiente educacional.

Há também outras medidas, como a aplicação de questionários de satisfação para entender qual posicionamento a escola deve ter. Além disso, essas informações devem estar disponíveis para consultas futuras. Lembrando que, sobre o material coletado, o sigilo absoluto deve ser sempre mantido.

Aplicação de uma boa metodologia

A gestão estratégica é uma ferramenta muito utilizada pelo setor de administração de empresas. Portanto, para elaborá-la em uma escola, é preciso moldá-la de acordo com algumas teorias científicas que garantam a aplicabilidade e qualidade de seu planejamento.

Uma das metodologias que pode ser utilizada, por exemplo, é o conhecido Business Model Canvas, que se trata de uma ferramenta intuitiva, organizada e visual de desenvolver uma gestão estratégica.

Com o uso do Canvas é possível mapear a proposta de valor da instituição de ensino, os canais de comunicação, principais recursos utilizados, procedimentos essenciais para funcionamento, entre outros.

Utilização de ferramentas poderosas

Para concluirmos este artigo, vale mencionar que uma das melhores e mais eficientes maneiras de promover uma gestão estratégica na escola é realizando uma análise minuciosa a respeito da real situação da escola. Para isso, existem metodologias e ferramentas específicas que tornam a tarefa mais eficiente, como o diagnóstico empresarial.

Ao aplicar o conceito do “diagnóstico empresarial”, a escola passa a identificar sua situação atual, potencialidades e oportunidades de melhoria. Ou seja, torna-se possível identificar os pontos fracos que necessitam de correção e os pontos fortes que devem ser reforçados.

A ideia é fazer uma análise de circunstâncias internas e externas ao ambiente escolar para saber quais impactos elas estão gerando na vida dos alunos e da sociedade. As informações coletadas serão de grande utilidade para determinar o presente e o futuro da instituição.

Como você pôde contemplar neste conteúdo, a gestão estratégica pode ser aplicada no meio educacional, apesar das distinções que existem entre administrar uma empresa e uma escola. O fato é que as ferramentas e práticas proporcionadas por esse conceito são amplas e facilmente adaptáveis.

Quer saber mais sobre como podemos ajudar a promover uma gestão estratégica na sua escola? Então entre em contato com a gente!

Powered by Rock Convert